novembro 21 2016 0comment
sem-gluten

Acabe com suas dúvidas sobre o Glúten

Glúten: o que é, de onde veio e para que serve?

Muito se tem falado no famoso “Glúten” nos últimos anos. Mesmo com matérias em revistas sobre saúde, artigos científicos e entrevistas com médicos, muitos ainda têm dúvidas a respeito desta proteína. Vamos tentar esclarecer para você o máximo de dúvidas possíveis, ok?

 

1. O que é o glúten e aonde ele está presente?

Apesar de estar presente em massas como o pão e o macarrão, o glúten não é um carboidrato e sim uma combinação de dois grupos de proteína: a gliadina e a glutenina, que são encontradas dentro de grãos de trigo, cevada e centeio – mais precisamente no endosperma, a reserva nutritiva do embrião da planta.

Quando adicionamos água à farinha de trigo, de cevada ou de centeio e começamos a misturar essa massa, a gliadina e a glutenina, antes dispersas no endosperma, finalmente se encontram e fazem pontes entre si. É assim que se forma o glúten.

 

2. Para que serve o glúten?

O glúten tem algumas funções, dentre elas estão: deixar a massa mais elástica e resistente para ser trabalhada, ajudar no crescimento de massas como as de bolos e pães, além de deixar os alimentos com textura mais macia, tornando alguns deles mais “fáceis” de mastigar.

 

3. O glúten engorda?

Uma dúvida bem comum entre pessoas que buscam o emagrecimento ou melhoria na qualidade de sua alimentação. O glúten por si só não é responsável pelo sobrepeso. Por estar presente em diversos alimentos mais calóricos, como massas e doces, este equívoco é feito algumas vezes. A verdade é que uma mais dieta equilibrada, com menos produtos industrializados e mais ingredientes frescos, irá resultar em menos quilos na balança e maior sensação de bem-estar. Jamais corte radicalmente o glúten de sua dieta sem consultar um médico.

“Não há evidência científica de ponta que mostre que a retirada do glúten beneficie quem não tem uma doença diagnosticada, como a celíaca”

Mauro Fisberg, professor da Escola Paulista de Medicina (Unifesp)

 

4. Existe intolerância ao glúten?

Sim, a doença celíaca é uma intolerância radical e permanente ao glúten que deve ser tratada com muita seriedade. Embora geralmente se manifeste na infância, entre o primeiro e o terceiro ano de vida, a doença celíaca pode surgir em qualquer idade, inclusive na vida adulta.

A doença é caracterizada pela inflamação crônica da mucosa do intestino delgado que pode resultar na atrofia das vilosidades intestinais.

Alguns dos sintomas da doença são:

  • Diarreia crônica;
  • Vômitos;
  • Anemia;
  • Atraso no crescimento;
  • Distensão abdominal (barriga inchada);
  • Dor abdominal;

Para mais informações sobre a doença, converse com seu médico. Qualquer quantidade de glúten, por mínima que seja, é prejudicial ao celíaco.

Gostou das dicas? Temos mais uma matéria explicando como produzimos nosso pão de queijo sem glúten, clique aqui.

Escreva uma resposta ou um comentário