Navegando na internet, é fácil encontrar milhões de pesquisas, fontes e contradições sobre este tema. Então, para você não naufragar neste oceano de informação, selecionamos esclarecimentos preciosos e confiáveis, vindos diretamente de duas nutricionistas especialistas.

Existem duas classificações para os problemas com o glúten: doença celíaca e sensibilidade não celíaca. A primeira caracteriza-se pela não digestão e pela hipersensibilidade à proteína. Já a segunda, ocorre quando a pessoa apresenta todos os sintomas e sinais da patologia, mas não a possui geneticamente.

SINTOMAS

Fique atento aos sintomas e observe se você ou alguém próximo anda tendo. Em caso afirmativo, procure um médico o mais rapidamente possível para um diagnóstico completo e preciso.

-> Adultos

Diarreia e prisão de ventre constantes.

-> Crianças

Pode haver onão crescimento e o não ganho de peso, além de grande distensão abdominal.

CAUTELA

Calma aí, não é só porque você comeu algo e passou mal que possui este problema. É fundamental fazer a ingestão de alimentos derivados do trigo, da cevada e do centeio e observar como seu organismo se comporta.

SOLUÇÃO

Para evitar qualquer problema e ter uma alimentação, uma digestão e uma vida sempre ótimas opte por alimentos completamente livres deste componente. Assim como o Pão de Queijo Mineirinho, que tem tudo de sabor e zero glúten.

Informações adaptadas de: Revista Claudia